ESPORTE   |   Ex-atletas do Sertãozinho pedem espaço no Touro
20/10/2014 - 18:42:23

[Foto: Luciano André / O Pinga Fogo]

A busca de suprir a carência do torcedor, por causa da falta de realização de jogos do Sertãozinho na segunda temporada, aumenta a cada dia. Desta vez, o maior alvo foi a impugnação de jogadores consagrados pelo clube.

Ex-atletas do Touro dos Canaviais e diretores de futebol se reuniram na manhã de sexta-feira (17) para reivindicar algumas mudanças no Sertãozinho. A principal delas é a inclusão de ex-jogadores.

Para Ronny Carlos, campeão pelo Sertãozinho na Série A3 do Paulista, em 2004, a cidade tem vários profissionais que podem ajudar o Grenazão. Ele recorda vários nomes, inclusive o de Ceará, que ajudou o Sertãozinho a conquistar cinco acessos. Ronny não esconde a vontade de voltar a jogar no Touro e comenta que a reunião em frente ao Fredericão tem o objetivo de unir ex-jogadores com a diretoria grená.

Ronny: “A diretoria deve incentivar os ex-atletas que fizeram história no clube”

“O nosso objetivo é a união. O Sertãozinho vive uma situação difícil e todos torcedores, principalmente a nossa cidade, merecem algo melhor. Queremos ajudar levar o Sertãozinho ao alto nível do futebol. Na minha opinião, a diretoria deve incentivar os ex-atletas que fizeram história no clube, como por exemplo, o Ceará, o Vanzelinha, Nilson, eu e outros.

Acho que falta reconhecimento. Nós amamos o Sertãozinho e fomos criados para o futebol. Chegou o momento de ter uma solução. Os torcedores estão tristes. Estamos dispostos a ajudar e conceder o nosso conhecimento junto com os empresários da cidade e com o presidente Toninho Savegnago”, disse Ronny.

Ceará: “Não queremos tirar ninguém, e sim, unir forças para conseguir o melhor para o Sertãozinho”

Edmar Jesus, o Ceará, explica que nenhum dos ex-atletas pretende mudar a diretoria do Sertãozinho. Para ele, chegou a hora do Savegnago ceder espaço para quem vestiu a camisa do Touro.

“É importante rever os jogadores que foram consagrados no Sertãozinho querendo o melhor para o clube. Não queremos tirar ninguém, e sim, unir as forças para conseguir o melhor. Nossa cidade não merece ter o Sertãozinho na terceira divisão. Seria bom o Toninho Savegnago ceder um espaço para nós. Ele tem uma boa visão, é um bom empreendedor”, comenta.

Nilson: “Chegou a hora de mudar. Não é pressão contra a diretoria, só queremos participar”

Nilson, outro ex-atleta que se destacou no Touro e em outros clubes, reforça o interesse do grupo em poder ajudar. “Chegou a hora de mudar. Sertãozinho é uma cidade que gosta de esporte, não podemos ter uma equipe de altos e baixos. Podemos fazer um bom trabalho na formação de atletas.

Não é uma pressão contra a diretoria, queremos participar do clube. Sempre falam que esta gestão continua porque ninguém quer assumir. Agora surgiram pessoas que querem trabalhar.”, analisa Nilson.

Além de Ronny e Ceará, a reunião contou com outros ex-atletas como Vansela e José Aprígio, que também presidiu a Câmara Municipal. O grupo conta com o apoio de diretores de clubes do futebol amador, de torcedores e do vereador Vilmar.



 
 
 
Todos os direitos reservados a Comunitária FM