DISCO   |   O vinil voltou para ficar
25/08/2014 - 18:12:24

Colecionadores de discos preservam joias, e feiras de vinil ficam cheias de admiradores do antigo formato de ouvir música Os amantes dos discos de vinil podem comemorar. Em São Paulo, crescem as feiras especializadas, e os colecionadores não se cansam de comprar.

O trabalho de Márcio Custódio, dono da Locomotiva Discos, comprova a teoria. "Eu abri a loja em 2011 e logo comecei a promover feiras itinerantes. O mercado só vem crescendo desde então." Colecionadores, como o aposentado Ézio Fernandes de Ávilla, de 55 anos, confirmam o que diz Custódio. Ávilla chegou a ter 20 mil discos em casa. "Hoje, acabei com 3.000, porque comprei alguns CDs na década de 1990, já que o Brasil abandonou a fabricação", conta ele. Além de atrair o público com suas capas e encartes, o vinil é importante como registro da memória da música brasileira.

O empresário Zero Freitas, 60 anos, que está catalogando seus 5 milhões de títulos, leva uma vida dupla para se dedicar a essa prática. "Com a explosão do mercado imobiliário, eu consegui arrecadar uma boa verba, que destinei toda aos discos. O principal propósito é ser fonte a quem se interessa pela música brasileira.

As informações são do site Agora SP



 
 
 
Todos os direitos reservados a Comunitária FM