Em pauta: a saúde do trabalhador   |   Vigilância em Saúde do Trabalhador inicia atividade de notificação de empresas sertanezinas
07/11/2013 - 15:59:58

[Foto: Agentes da Vigilância em Saúde do Trabalhador durante mais um dia de visitas às empresas localizadas nas áreas industriais do município. Ao todo, 60 delas já foram notificadas sobre o início das atividades da nova comissão / crédito: Adilson Lopes]

A Secretaria Municipal de Saúde acaba de colocar em prática mais uma importante iniciativa que, desta vez, favorece diretamente os processos ligados à saúde do trabalhador. Recentemente, tiveram início os trabalhos da Vigilância em Saúde do Trabalhador – atividade que foi agregada aos serviços de Vigilância Sanitária e Epidemiológica.

Segundo informações da coordenadora do Sistema de Vigilância Sanitária, Karina Solano Cândido, o trabalho de orientação das empresas sertanezinas já foi iniciado. “Nesse primeiro momento, a equipe da Vigilância em Saúde do Trabalhador está visitando os estabelecimentos, com o objetivo de informá-los sobre a existência e as atividades relacionadas a essa nova comissão, e estipulando um prazo para que a documentação necessária seja providenciada.

Numa segunda fase do trabalho, a equipe fará inspeções nos locais de trabalho, com foco na saúde do trabalhador e na avaliação de indicadores importantes, como a Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT), por exemplo”, explica Karina Cândido, que complementa: “estamos satisfeitos com a receptividade das empresas e com a boa abertura que a Administração Municipal tem nos dado para instituirmos mais esse importante serviço no município”.

De acordo com a secretária municipal de Saúde, Rita Montenegro, o alto índice de subnotificação de acidentes de trabalho observados na análise dos atendimentos realizados nos serviços de saúde do município, será um dos pontos de monitoramento da Vigilância em Saúde do Trabalhador. “No ano de 2007, por exemplo, segundo informações do Anuário Estatístico da Previdência Social sobre acidentes de trabalho, foram notificados pouco mais de 720 acidentes em todo o município de Sertãozinho, sendo que foram atendidos, apenas no serviço hospitalar de referência, cerca de 180 a 200 casos ao mês.

O que concluímos, a partir desse cenário, é que muitas empresas notificam somente acidentes com afastamento superior a 15 dias, contrariando a legislação previdenciária, o que acarreta problemas de ordem trabalhista”, comenta a secretária, que completa: “com a instituição dessa nova comissão, teremos uma leitura mais exata dos acidentes relacionados à saúde do trabalhador, já que será possível cobrar a abertura da CAT dentro dos prazos estipulados, investigar a fundo os acidentes ocorridos e realizar o acompanhamento dos acidentados”.

Para o prefeito Zezinho Gimenez, a instituição do serviço de Vigilância em Saúde do Trabalhador agregam ainda mais valor à indústria e ao comércio sertanezinos. “Nossa preocupação com o bem-estar e a saúde dos trabalhadores é real e, por isso, estamos muito felizes que a comissão tenha iniciado suas atividades já em nosso primeiro ano de gestão.

Creio que essa preocupação, aliada à boa imagem de tudo que as empresas proporcionam ao município, certamente contribuirá para o fortalecimento da economia, pois os clientes terão a tranquilidade de saber que estão adquirindo produtos elaborados por empresas que priorizam a responsabilidade social”, pontua Gimenez.

As visitas orientativas da equipe de Vigilância em Saúde do Trabalhador tiveram início na região dos Distritos Industriais da cidade, onde estão localizadas cerca de 550 indústrias, sendo que 60 empresas já foram visitadas pelos agentes.

(Assessoria de Comunicação da PMS)



 
 
 
Todos os direitos reservados a Comunitária FM