.   |   SAEMAS prevê queda na inadimplência para 2014
14/10/2013 - 11:07:18

[Foto: O superintendente do SAEMAS, Carlos Roberto Sarni, durante Audiência Pública de Prestação de Contas / crédito: Adilson Lopes]

Recentemente, durante realização de Audiência Pública de Prestação de Contas, o superintendente do Serviço Autônomo de Água, Esgoto e Meio ambiente de Sertãozinho (SAEMAS), Carlos Roberto Sarni, afirmou que a autarquia prevê queda na inadimplência para 2014 – índice que, atualmente, é considerável, representando 30,5% do faturamento mensal do SAEMAS.

Entre outras informações, em sua apresentação o superintendente demonstrou que até o mês de agosto deste ano, o SAEMAS registrou um faturamento de R$15.224.031,00 contra uma despesa de  R$14.466.083,00, o que representa um superávit de R$ 757.948,00 e uma média de arrecadação de aproximadamente R$ 2 milhões por mês. Porém, segundo Sarni, o índice de arrecadação poderia ser ainda melhor. “Nossa média mensal de inadimplência é alta e gira em torno de R$ 630 mil, um cenário que a Administração está nos ajudando a mudar, com a instituição do programa de incentivo de parcelamento de débitos municipais, em que as dívidas de taxas de água e esgoto também são contempladas.

O faturamento do SAEMAS e os investimentos na área de abastecimento do município também poderiam ser ainda maiores, não fosse a falta de consciência de alguns consumidores que fazem ligações clandestinas de água e esgoto, que acabam não recolhendo taxas e prejudicam a autarquia financeiramente, além de causarem problemas futuros nas redes, principalmente na de esgoto”, comenta.

As duas Leis do Executivo Municipal, 286 e 287/2013, devem auxiliar a autarquia na diminuição da inadimplência por duas frentes: a primeira, com a possibilidade dos devedores negociarem seus débitos de água e esgoto através do programa “Fique em Dia com Sertãozinho” e a segunda, com a eminência de cortes de água a partir de 2014, em unidades consumidoras cujas contas estejam em atraso.

(Assessoria de Comunicação da PMS)



 
 
 
Todos os direitos reservados a Comunitária FM