EMPREGO   |   Sertãozinho e região contratam mais 800 trabalhadores
15/05/2013 - 07:56:37

Foto: No acumulado do ano, a região gerou 3.450 novos postos
(crédito: Joyce Cury)

Novas vagas foram geradas em abril, no quarto mês seguido de resultado positivo do mercado de trabalho

A geração de empregos na indústria de Sertãozinho se manteve firme em abril com o quarto resultado positivo do ano. Segundo levantamento divulgado pelo Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp), foram 800 novos postos de trabalho gerados na região – composta por sete cidades - com uma variação de 2,35% na comparação com o quadro de funcionários de março.

No ano, ainda segundo a pesquisa, está registrado um acumulado de 10,67%, o que representa um acréscimo de aproximadamente 3.450 postos de trabalho. Segundo o economista Luciano Nakabashi, da FEA-RP/USP (Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão), o resultado é considerado positivo, porém ainda é cedo para afirmar que há uma recuperação consolidada.

“De modo geral, a indústria está fraca, com aumento nos custos e queda nos preços. Os bons resultados podem ter sido causados por questões sazonais”, diz. Nos últimos 12 meses, a região acumula uma queda de 1,62% no índice de emprego na indústria, representando uma redução de aproximadamente 600 postos de trabalho.

Setores
No mês passado, os setores de Petróleo e Biocombustíveis (30,63%) e Produtos Alimentícios (6,91%) foram os que mais influenciam no cálculo do índice total na região. “O setor de biocombustíveis é muito influenciado pelo movimento econômico”, diz Nakabashi.

Segundo Sebastião Macedo, gerente executivo do Ceise-BR (Centro Nacional das Indústrias do Setor Sucroenergético e Biocombustíveis), o resultado mostra um despertar, que provocou o investimento por parte de muitas indústrias, que estava adormecido.

Empresa investe em qualificação e certificação
A retomada de investimentos pelo setor sucroenergético pega dois pontos das empresas fornecedoras de equipamentos: qualificação e certificação.

“Diante da necessidade de diversificar o público comprador, as indústrias associadas ao Ceise-Br foram estimuladas a investirem na gestão da qualidade, para se adequarem aos protocolos e às certificações exigidos pela Petrobras”, diz Sebastião Macedo, gerente da entidade.

A região conseguiu desempenho acima da média estadual na geração de empregos, que teve índice de 1,02% no mês passado, segundo a pesquisa do Ciesp.

As informações são do site A Cidade



 
 
 
Todos os direitos reservados a Comunitária FM